Conta de luz mais cara a partir de hoje (1°)

Conta de luz mais cara a partir de hoje (1°)

Passa a vigorar a partir, desta quarta-feira (1°), a nova bandeira tarifária “escassez Hídrica”. O valor da taxa adicional na conta, passará dos R$ 9,49 a cada 100 quilowatts-hora (kwh) para R$ 14,20, provocando um aumento de 6,78% na tarifa média.  A bandeira ficará em vigor até 30 de abril de 2022.

O aumento foi aprovado, ontem (31), pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em decorrência da crise hídrica que o país enfrenta. No final de junho, o valor da bandeira vermelha patamar 2 já havia subido 52%.

Ontem à noite, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, fez um pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão,  e pediu aos brasileiros  um “esforço de redução de consumo” de energia elétrica.

O ministro disse que a “condição hidroenergética se agravou” e pediu que os consumidores reduzam o desperdício de energia por meio de ações como, por exemplo, apagar as luzes e aparelhos que não estão em uso.

Bento Albuquerque também pediu que os consumidores tentem reduzir o uso de “equipamentos que consomem muita energia”, entre os quais, ar condicionado, ferro de passar e chuveiro elétrico. E, caso o consumidor necessite utilizar algum deles, que dê preferência ao período da manhã e aos finais de semana.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *