Paulo Câmara sanciona programa que deve gerar 20 mil vagas de trabalho no estado

Paulo Câmara sanciona programa que deve gerar 20 mil vagas de trabalho no estado

O governo de Pernambuco lançou, ontem (21) o programa Emprego PE. A iniciativa que teve um investimento de R$ 66 milhões e tem como previsão gerar 20 mil empregos.

O programa, sancionado pelo governador Paulo Câmara, tem como objetivo subsidiar metade de um salário mínimo (R$ 550) para novos funcionários de empresas pernambucanas por um período de seis meses.

A iniciativa chega após o resultado da última estimativa do IBGE, divulgada no fim do último mês, que apontou o índice de desemprego em 21,6%, o pior resultado do país.

Na prática cada empregador poderá receber o benefício por até 30 novas vagas geradas. Serão priorizadas pequenas e microempresas, optantes do Simples Nacional, e estabelecimentos que contratem profissionais de ensino médio, formados em escolas públicas estaduais ou do Sistema S.

Para participar do programa as empresas devem estar ativas e sediadas em Pernambuco; inscritas regularmente no Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged); e ter iniciado suas atividades há pelo menos um ano, contando a partir da publicação da lei. Além disso, as empresas não podem demitir, suspender contratos ou reduzir jornada e salários após a publicação do documento.

As inscrições no programa serão por meio do portal do Emprego PE que começam a partir do dia 27 deste mês. A plataforma receberá os cadastros e toda a documentação das empresas, assim como os cadastros e documentos dos funcionários depois que as vagas forem aprovadas e disponibilizadas.

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *