PCR entrega duas novas ciclofaixas no Centro e Zona Norte do Recife

PCR entrega duas novas ciclofaixas no Centro e Zona Norte do Recife

Foto: Ciclofaixa Hipódromo/ Diego Nigro/PCR

 

A Prefeitura do Recife entregará, nesta quinta-feira (5), duas novas ciclofaixas na cidade, aumentando a conectividade da rede cicloviária do município. Os novos equipamentos fazem parte dos 10 km anunciados pelo prefeito João Campos em maio.

Atualmente, o Recife possui 157 km de ciclofaixas. Entre 2013 e 2021, o crescimento da malha cicloviária do Recife foi de 580% e, com as novas rotas, o Recife terá 80 km de equipamentos conectados entre a Zona Sul e a Zona Oeste e 72 km conectados entre o Centro e a Zona Norte.  Os projetos foram desenvolvidos em parceria com a Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária, referência mundial sobre o assunto.

Na área central do Recife, a Ciclofaixa Santo Antônio traz um projeto inovador, interligando áreas de ruas pedestrianizadas, pontes e uso de urbanismo tático para adequar o desenho das vias à mobilidade dos ciclistas e dos pedestres. O equipamento tem 1 km de extensão e segue o percurso da Ponte Maurício de Nassau, Rua Nova, Ponte Boa Vista, Rua Imperatriz e Rua do Hospício. A rota vai beneficiar, em média, 1.300 ciclistas diariamente e trará a experiência de espaço compartilhado entre ciclistas e pedestres nas ruas Nova e Imperatriz. O equipamento vai interligar a Zona 30 do Recife Antigo ao bairro da Boa Vista. Já na Zona Norte, a Ciclofaixa Hipódromo interliga os equipamentos do Rosarinho e do Torreão. Com 1 km de extensão, a rota passará pelas ruas Fonseca Oliveira, Madre Rosa Gatorno e Couto Magalhães.

“O Recife vem investindo em segurança viária e em outros modos de transporte mais eficientes para promover uma mobilidade sustentável para a cidade, diminuindo os sinistros de trânsito. É uma nova forma de se deslocar que se fomenta e vemos que a população está aderindo a essa oportunidade”, destaca Taciana Ferreira, presidente da CTTU.

Sobre a Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global 

A política de segurança viária desenvolvida pela Prefeitura do Recife é apoiada pela Bloomberg Philanthropies através de um programa de segurança viária, a “Iniciativa Bloomberg para Segurança Viária Global”. Em 2020 a capital pernambucana foi uma das cidades contempladas com o projeto e hoje conta com uma equipe de técnicos especializados, além de uma rede internacional de organizações, que dão suporte às ações do poder público municipal em melhorias no gerenciamento de dados, infraestrutura, fiscalização, educação e comunicação.  Em todo o mundo, estão participando do mesmo projeto as cidades de Accra e Kumasi, em Gana, Addis Abeba, na Etiópia, Bogotá e Cali, na Colômbia, Ho Chi Minh, no Vietnã, além de Salvador e São Paulo, também no Brasil.

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *