Pernambuco declara pela primeira vez que Estado enfrenta epidemia de gripe

Pernambuco declara pela primeira vez que Estado enfrenta epidemia de gripe

Durante uma coletiva de imprensa realizada ontem, o secretário de saúde de Pernambuco, André Longo, disse que o estado vive uma epidemia de gripe. “Estamos vivendo uma epidemia de H3N2 dentro da pandemia de Covid-19 sobretudo no Grande Recife”, disse Longo.

Segundo o gestor, há registros da doença “em praticamente todas as macroregiões do Estado”. A H3N2 tem sido encontrada em 99% dos testes que estão sendo realizados.

Até o momento, o governo estadual registra 2,4 mil casos de gripe e 11 mortes causadas pela doença.

Por conta dos altos números, André Longo,  anunciou a abertura de mais leitos para pacientes com problemas respiratórios.

O número de solicitações de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) teve incremento de 68% em comparação com a semana anterior e 61% em 15 dias.

O governo de Pernambuco abriu 193 novos leitos para pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), desde a sexta-feira (24). Segundo o secretário estadual de Saúde, André Longo, 36 vagas de UTI foram abertas na quarta-feira (29).

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *