Piloto que levava Marília Mendonça teria comunicado duas vezes que iria pousar

Piloto que levava Marília Mendonça teria comunicado duas vezes que iria pousar

O piloto que levava a cantora Marília Mendonça e mais três pessoas no voo de Goiânia (GO) para Caratinga (MG), e que caiu na última sexta-feira, 5, comunicou duas vezes pelo rádio o início do procedimento de pouso. A afirmação foi feita por um piloto em entrevista ao jornal O Globo. Ele guiava um monomotor de Viçosa (MG) e estava na mesma área de voo, no mesmo horário.

Conforme informações do profissional, que preferiu ficar no anonimato, o piloto que conduzia o bimotor, Geraldo Martins de Medeiros Júnior, comunicou o procedimento titulado de “perna do vento” no jargão da área, e que nada indicava que o voo poderia estar com problemas.

Ele disse que estava pegando a perna do vento e, cerca de 20 segundos depois, voltou a dizer que estava pegando a perna do vento 02, o que significa que estava iniciando o procedimento padrão de pouso. Isso não configura uma anormalidade, pois os pilotos podem prolongar um pouco o tempo do pouso”, disse.

De acordo com a testemunha, todas as informações foram repassadas em depoimento ao Serviços Regionais de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa), órgão ligado ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes (Cenipa), que investiga o caso.

 

Fonte: O Povo 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *