Recife implanta onze novos radares para coibir infrações de trânsito

Recife implanta onze novos radares para coibir infrações de trânsito

A partir de terça (1º), 11 novos radares de trânsito para controlar velocidade e coibir outra infrações começam a funcionar no Recife. Segundo a prefeitura, os equipamentos de fiscalização eletrônica vão operar sem emitir notificações até 21 de março. Só então, os infratores começarão a ser multados.

De acordo com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), os locais, vão receber a sinalização e o equipamento de fiscalização eletrônica para notificar imprudências de excesso de velocidade, parada sobre a faixa de pedestres e avanço de semáforo.

Os novos radares foram instalados nos seguintes locais:

– Avenida Governador Agamenon Magalhães, com um equipamento em cada sentido da via, próximo ao cruzamento com a Rua Odorico Mendes;

– Avenida Norte, nas proximidades da Rua Cônego Barata, da Avenida João de Barros e da Avenida Santos Dumont;

– Estrada Velha de Água Fria, próximo à Avenida Professor José dos Anjos;

– Avenida Visconde de Jequitinhonha, em ambos os sentidos, próximo à Rua Baltazar Passos;

– Avenida Doutor José Rufino, próximo à Ruaj Ipojuca;

– Avenida Caxangá, próximo ao Golfe Clube e na Rua Falcão de Lacerda, na altura do entroncamento com a Rua Papa João XXIII.

“A Prefeitura do Recife tem se posicionado de forma cada vez mais firme em prol da segurança viária e da vida das pessoas. O trânsito não deve ser um local inseguro, deve servir para o deslocamento das pessoas e é importante que todo mundo chegue aos seus destinos com saúde. O respeito à velocidade máxima permitida na via é essencial para evitar sinistros de trânsito graves, então nós investimos nisso e contamos com o apoio da população para se conscientizarem e se reeducarem no que diz respeito à velocidade”, destaca a presidente da CTTU, Taciana Ferreira.

Os dados das notificações de trânsito já mostram que a implantação de equipamentos de fiscalização eletrônica no Recife leva à mudança de comportamento dos condutores. Na implantação da Zona 30 no bairro do Recife, por exemplo, em 2015, foram registradas 17.308 notificações por excesso de velocidade. Já em 2018, o número caiu para 11.789 notificações, mesmo com a implantação do novo equipamento na Avenida Alfredo Lisboa, o que representa uma diminuição em mais de 31% no índice de desrespeito à velocidade máxima regulamentada.

Os equipamentos vão fiscalizar, ainda, as infrações de parada sobre a faixa de pedestres, uma conduta que põe os mais vulneráveis no trânsito em uma condição de travessia insegura, tendo em vista que precisam desviar dos veículos para fora da faixa de pedestres. Outra infração fiscalizada será o avanço de semáforo, que serve tanto para segurança viária na travessia de pedestres, quanto para evitar choques entre veículos nos cruzamentos.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.