Mansão de Nego do Borel no RJ vai a penhora por dívida de IPTU

Mansão de Nego do Borel no RJ vai a penhora por dívida de IPTU

O TJ-RJ (Tribunal De Justiça Do Rio De Janeiro) decidiu pela penhora da mansão do cantor Nego do Borel, localizada no Recreio dos Bandeirantes, zona Oeste da capital Fluminense.

Segundo o processo, o músico acumula dívidas de IPTU (Imposto Predial E Territorial Urbano) que chegam a mais de R$ 27 mil.

De acordo com a decisão, os valores são referentes aos anos de 2017, 2018 e 2020. O funkeiro teria ignorado inúmeras tentativas de contato.

Pelas redes sociais, Nego do Borel chegou a brincar com a situação, e postou nos Stories do Instagram a foto de um telejornal que repercutia o caso. “Quebrei. Alguém me empresta 27 mil?”, escreveu na legenda da postagem, acrescentando um emoji de tristeza, com a música “Deu Ruim” de fundo.

Uma oficial de Justiça ainda será encaminhada ao imóvel para tentar encontrar Nego do Borel pela última vez e a sentença pode ser revertida caso o funkeiro pague o valor devido em até cinco dias úteis. Caso contrário, a mansão do artista será penhorada e passará por avaliação para venda. Atualmente, o cantor está no Rio de Janeiro e deve se apresentar, neste sábado, em um evento no morro do Vidigal.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.